Postagens populares

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Moço, seja prudente

“Aconselhe também os homens mais jovens a serem prudentes. Você mesmo deve ser, em tudo, um exemplo de boa conduta. Seja sincero e sério quando estiver ensinando. Use palavras certas, para que ninguém possa criticá-lo e para que os inimigos fiquem envergonhados por não terem nada de mau a dizer a nosso respeito.”
- Tito 2:6-8
Atualmente estamos vivendo uma deficiência em relação ao papel do Homem e da mulher na sociedade, principalmente os mais jovens. Estamos sendo educados a sermos o que quisermos e isso muitas vezes nos faz esquecer o propósito pelo qual fomos criados, primeiramente diante de Deus e posteriormente diante da sociedade. 

Você já parou para se perguntar por qual propósito nasceu homem ou mulher? 
Já se perguntou por que nasceu nessa época, nessa cidade, nessa família em que está inserido?

O tempo todos ficamos presos em pensar o que gostaríamos de ser, mas a maioria das vezes deveríamos buscar SER e DESCOBRIR qual o propósito que existe em tudo isso. Você pode achar tudo normal, mas eu não. Acredito que tudo que existe hoje, principalmente em minha vida é por causa de um propósito maior. E hoje, o propósito desse texto é nos fazer refletir a respeito da conduta que um Homem, mesmo jovem deve ter.

Em Tito, quando termina o conselho em relação às mulheres mais jovens, começa o conselho para os homens mais jovens e a primeira frase me chama muita atenção: “Aconselhe também os homens mais jovens a serem prudentes”. 
Mas, o que é prudência? 

Segundo o dicionário Aurélio é: “Virtude que nos faz conseguir o que desejamos, evitando todos os perigos”.

Então consequentemente um Homem prudente é aquele que “se esquiva do perigo; que demonstra cautela; ajuizado; que tem o hábito de se precaver; que se prepara de maneira antecipada; precavido: o sujeito prudente está sempre preparado para as dificuldades”.

O Homem independente de ser jovem ou não já foi cometido a ser PRUDENTE e isso não envolve apenas a um aspecto da vida, mas sim em TUDO. Mas, você consegue identificar os perigos que te rodeiam?

Você consegue enxergar aquilo que deve ser conquistado e aquilo que deve ser evitado? 

O mal de nossos dias está em desejar o perigo e evitar a precaução. 
Existe um ditado popular que afirma: “É melhor prevenir do que remediar”. 
Mas, dizem por aí que “o proibido é mais gostoso”. 

Afinal, nem sempre estamos dispostos a andar na linha, sempre damos aquela escorregada, por que o homem naturalmente tem uma inclinação ao pecado. Mas, de uma coisa eu sei, Deus não transforma nossos pecados, Deus NOS TRANSFORMA, para que posteriormente venhamos a mudar a nossa relação com o pecado. Ele deseja transformar você, mudar a sua forma de pensar para que você venha entender que a vontade dele é boa, perfeita e agradável. Mas, se você não mudar, tudo isso vai parecer como um programa chato da TV que você muda de canal quando não quer ser confrontado.

“O mundo anseia por homens que sejam fortes – em sua convicção, para liderar, para permanecer firmes, para sofrer. Eu oro para que você se torne esse tipo de homem – feliz de que Deus o tenha criado como um homem, feliz de suportar o fardo da masculinidade numa época em que carrega-lo geralmente cria contendas.” (Joshua Harris) 

2 comentários:

  1. 1. Então o assunto é ser prudente, pois bem, então vamos lá.
    Infelizmente vivemos numa sociedade toda controvérsia das mais diferentes maneiras que se pode observar ou notar, essa sociedade realmente está difícil de ser 'vivida' ou, melhor dizendo, ser encaixado nela e ir junto como se fosse um grande trem lotado onde as pessoas vivem suas vidas junto com as outras.
    É complicado, pois isso é real chegando a ser um fato que não precisa ser debatido: as pessoas possuem o pé atrás com as outras. Seja para um homem com uma mulher num quesito de relação ou amizade ou até mesmo pessoas do mesmo sexo no quesito amizade ou relação (vivemos num mundo assim, você deve aceitar, muitas pessoas olham isso 'torcendo o nariz', mas isso não chega a ser um problema). Como eu dizia, parece que todos andam desconfiados um do outro, seja pela sociedade ser aberta e perigosa ou até mesmo puxando do passado algo que ocorreu e aplicando o fato na situação atual e isso conturba ainda mais a convivência e até mesmo conhecer outras pessoas, você não sabe se estou se aproximando de você com boas ou más intenções..
    Realmente eu acredito que não importa o motivo que você nasceu homem ou mulher, você nasceu 'x' e deve fazer seu melhor sendo 'x' independente da sua religião, estilo que segue e opção sexual. Esse é o segredo para ser prudente ou pelo menos inciar isso?
    As pessoas gostam do perigo achando que é divertido, claro que mesmo sendo fiél ao extremo é complicado você andar na linha e prosseguir sem colocar o pé do lado direito ou esquerdo meio 'sem querer, mas querendo', mas existem princípios e coisas que devem ser pensadas antes de se fazer, pois aquilo irá surtir problemas num futuro próximo (meio que irá acontecer um 'feedback') e mesmo que seja o proibido de trair ou o proibido de fazer algo ilegal descumprimento a lei, você querendo ou não vai receber uma resposta (obviamente, diferente de cada caso do erro cometido) mais cedo ou mais tarde. O problema do ser humano é que se ele não é pego na primeira ele tenta novamente, mesmo prometendo na primeira vez ou na quarta que não foi pego que iria parar, mas ele 'paga para ver' até onde irá conseguir chegar com isso até a casa cair.

    ResponderExcluir
  2. 2. Outro problema que é importante ser citado e observado (até fugindo um pouco do assunto, mas que se encaixa num espacinho) é que as pessoas não se contentam com a felicidade que tem e isso é um total absurdo! Muitas pessoas não são felizes (tenho um exemplo ótimo para dar) e vê pessoas que são e não se contentam só com aquilo, de ter amigos e uma companheira ao seu lado, mesmo usando os motivos errados ela quer ultrapassar isso e se quebrar a cara (se chegar a acontecer) muitas vezes os amigos vão o apoiar não reconhecendo (ou não querendo) o problema cometido e isso é grave, pois deve se chegar e falar que aquilo foi errado e conversar, se o problema passar batido ele vai perder uma porcentagem de amigos ou a companheira, mas irá continuar depois de um tempo, pois uma porcentagem o apoiou e ele achou certo. Depois disso ele vai dar um tempo, conseguir outras pessoas e outra companheira e talvez aprontar novamente e cair na mesma armadilha e continuar como um ciclo sem fim até ele ser barrado completamente e acabar sozinho sendo o resultado dos erros cometidos. Existe também a outra hipótese dele errar cometendo e depois se redimir verdadeiramente e pronto, acontecem com muitos dentro da igreja (voltei pras drogas depois de dois ano, mas agora quero parar) ok, então se ele seguir na linha sem errar os passos irá conseguir prosseguir tendo um futuro promissor que ele almeja (ou com mais porcentagens, pelo menos) o importante é reconhecer o erro e mudar, pois se ele veio de você, você conhece o fim que ele pode te levar ou o fim que você pode aplicar nele e isso que é importante. Prudente desde jovem para aprender como as coisas funcionam e onde os caminhos que a vida te mostrar podem te levar, se você não for com experiência e seguir 'á Deus dará' você pode ter a sorte de ser feliz por pura sorte (apesar de não acreditar em sorte) ou se perder nele nem sabendo, ao mesmo, como chegou aquele ponto e por quê se encontra ali e por quê tantas coisas estão acontecendo. Tentei ser breve, acredito que consegui, é que o meu breve é um grande texto, então consegui.

    ResponderExcluir

Através de vidas, você pode ser edificado. E através de você vidas podem ser edificadas. Deixe seu comentário :)