Postagens populares

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Setembro Amarelo - Contra o Suicídio

“Naquilo que é essencial, unidade; naquilo que é duvidoso, liberdade; e em todas as coisas, caridade.” - Agostinho
Segundo dados da OMS: "Mais de 800 mil pessoas cometem suicídio por ano no mundo. Isso representa uma morte a cada 40 segundos. Segundo os dados do relatório, o suicídio é a segunda maior causa de mortes entre pessoas de 15 a 29 anos. 
O relatório da OMS afirma ainda que há mais mortes causadas por suicídio do que por guerras e homicídio juntos. Os métodos mais usados globalmente são uso de pesticidas, enforcamento e armas de fogo.
Segundo especialistas, uma das maiores causas de tentativas de suicídio é a depressão.”

E o que seria depressão?
O vídeo a seguir, explica um pouco. 



"As pessoas simplesmente pensam que é um crime ter pensamentos suicidas. Não deveria ser assim", diz Lauren Ball, uma mulher de 20 anos que já tentou se matar várias vezes.

"Gabbi Dix sabia que sua única filha, Izzy, estava sofrendo com a chegada da adolescência, mas não imaginou que o suicídio rondasse seus pensamentos."

"Acho que nunca vou conseguir superar isso", conta a mãe da adolescente de 14 anos, que em 2012 deu fim à própria vida, numa cidade costeira do sul da Inglaterra.

Enfim, o que Deus pensa disso?
"Suicídio não é a vontade de Deus para ninguém! Deus quer que todos escolham a vida. "(Deuteronômio  30:19-20)."

Vamos ter uma conversa franca sobre suicídio:


“Porque eu estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor”.
- Romanos 8:38 e 39

Por que escolher a morte se existe um Deus que te ama e deseja que você viva, que você experimente da bondade dele, da misericórdia dele, e principalmente do amor dele!
Se você precisar de ajuda, pode contar conosco, seja para desabafar, pra compartilhar experiencias, pra buscar ajuda!

O nosso maior presente é a VIDA, que possamos vivê-la propositalmente!

Mande seu e-mail: shirleycosta16@hotmail.com.
Você não está sozinho, acredite, morrer não é a solução. 
Deus te abençoe!

3 comentários:

  1. 01. Então vamos falar sobre suicídio que é um assunto bem delicado. Eu posso falar isso, pois sofro de depressão e posso contar que é angustiante e quem luta por ela é um guerreiro (não estou enchendo minha bola e muito menos meu ego) e muitos se cansam, simplesmente se cansam de sentir aquilo, este mal, esta agonia e a única coisa a se fazer é tirar a vida e automáticamente não sentirá mais os efeitos da depressão ou outros 'n' problemas que levam uma pessoa a cometer tal feito. Não sei se sabem, mas perante a lei VOCE é proibido de tirar sua própria vida, isso é um crime. Mas enfim, isso foi uma curiosidade. Muitas pessoas (artistas) que conheço cometeram, pois penso que não é por causa da depressão que vai levar a pessoa a cometer esse mal, mas sim NÃO CONSEGUIR UMA SOLUÇÃO PARA O PROBLEMA, se a pessoa realmente sente que aquilo não tem salvação, não tem saída e está realmente cansada de acordar sofrendo e ir dormir sofrendo, não tendo pessoas que a apoiam ela vai ENCONTRAR ESSA SOLUÇÃO de tirar a própria vida e sim, é uma solução e isso é um fato inegável, agora cabe a voce concordar ou não com isso.
    Eu já pensei em tirar minha vida no subconsciente, nunca olhei para meus medicamentos ou para uma faca e quase encostar na garganta, eu apenas pensei sobre o fato. Como no blog a dona fala muito de Deus e derivado, tem a parte do "Mas Deus quer te ver feliz", "Aproveite cada minuto, cada dia", "A Vida é uma dádiva",e eu concordo, mas depende do caminho que a sua vida está seguindo, todas são uma dádiva, mas infelizmente existem pessoas que não conseguem viver como queriam viver (não estou falando de 500 mil na conta bancária, namorar uma modelo de 20 e dirigir um Lamborghini, mas ter o básico para viver e gostar, estar de acordo com esse básico e conseguir evoluir seu básico com as suas ferramentas. Ficou confuso, mas vou exemplificar: ter amigos é básico, uma namorada ou construir uma família também, ou depende, tem pessoas que gostam de ficar sozinha, mas isso é outro porém. Se ela sentir que seu "básico" está estremecido ela fará de tudo no seu alcance para conseguir equilibrar as coisas de volta, fazer com que elas hajam normalmente conforme seu ponto de vista e até mesmo para sua comodidade. Vou me usar como exemplo: não tenho nada disso e minha família é muito, mas muito "limitada", não tenho namorada e nem amigos e com os resultados dados acima...

    ResponderExcluir
  2. 02. ... eu estou totalmente desequilibrado, não tenho zona de conforto algum falando de sentimentos e eu poderia ser uma pessoa que poderia cometer suicídio nessa situação que me encontro, mas não faço isso, pois acredito que existe uma saída, não a encontrei e muito menos sei onde ela está, mas sei que existe. Pontos a meu favor? Eu ainda sou jovem, tenho ESPERANÇA de sair dessa vida, pois já tive amigos de verdade (se não tivesse eu acharia que o problema estivesse comigo, então eu ficaria bem pior), pois nessa época eu sentia amor por eles e sentia que este sentimento era devolvido, então eu "sonho" com uma situação boa que já vive ou algo semelhante, pois o problema sobre isso não está comigo, mas sim do que eu acho, minha maneira de pessoa (e não de se comportar).
    Existem pessoas que realmente não conseguem enxergar uma luz no fim do túnel e com tantos problemas elas resolvem fugir da forma mais fácil possível, pois como diz uma música "isso não está acontecendo, pois eu não estou aqui" e realmente os problemas vão embora. Como dito no início, é um assunto muito delicado e queria chegar num ponto crucial, pisar no calo do assunto para ver onde dói de fato: é correto cometer suicídio? Eu posso ser apedrejado no que vou falar agora, mas eu não acho errado (alguma pedra?).
    E simples, não estou dizendo que seja uma coisa simples de se fazer, mas muitos lados devem ser observados como a família, se existe alguém que possa te ajudar no problema ou até mesmo um amigo que pode lhe auxiliar. Eu acredito que o primeiro ponto crucial de uma pessoa que pensa que está tudo perdido é: espera, eu preciso de ajuda, mas tem alguém que possa me ajudar? Alguns podem apontar a igreja, mas me desculpe, a pessoa depressiva (estou citando no caso de depressão) só irá pedir ajuda para pessoas que confiam e sabe que ela pode contar com a pessoa e a pessoa vai dar aquela força para ela sair do fundo do poço, seja sendo conselhos, levando a lugares, entre outras coisas que possam ajudar a pessoa depressiva. A pessoa depressiva não vai entrar numa igreja e pedir ajuda para 'estranhos', algumas até que podem, mas é bem difícil, realmente, disso ocorrer.

    ResponderExcluir
  3. 03. Acredito que a pessoa deve se render a ajuda e acabou, essa é uma grande verdade. Ela deve também deve entender que nessa fase a vida da pessoa vai começar a andar lentamente, pois não se pode comparar a vida de uma pessoa depressiva com a de uma pessoa "sem depressão".
    Acredito muito que as pessoas que cometeram, viram que não tiveram ajuda ou que era muito, mas muito complexo, tanto que nem mesmo a pessoa depressiva sabe os motivos que ela está triste ou tendo motivos de chorar e automaticamente se sente um estorvo diante das pessoas a sua volta. Tem uma garota que conheço virtualmente que estava muito "confusa" com a vida, toda semana ela me falava que ia se suicidar por motivos que ao meu ver são tolos, mas cada ser pensante é um ser diferente e não pode ser comparado. Teve um dia que ela disse que estava decidida e eu dei uma dura nela, tive que me colocar na situação dela e falar o que faria pra ela enxergar que o 'suicídio' não precisava ser cometido, que ela realmente estava fazendo uma tempestade em copo d água e desde aquele dia ela nunca mais falou sobre o assunto comigo. Não é que existem pessoas fracas e outras fortes que conseguem superar, tem muito haver pelo que se passa por cada um e qual o limite da pessoa, pois cada um tem o seu.
    Finalizando: é bem complicado, eu não acho certo virar para uma pessoa e dizer "sua vida não tem jeito, morre". Mas cada pessoa sabe onde aperta, ao meu ver ela só comete quando não vê mais sentido e, desculpe, a pessoa que pensa sobre isso não vai pensar em Deus, família e nem nada, depois de uma análise (feita por dias ou até mesmo uma grande fase da vida) percebendo que não tem saída e nem pessoas para ajudar ela apenas faz, pois chegou no seu limite e simplesmente ela acorda não sabendo o que fazer, sem esperança do amanhã e se sentindo em xeque-mate todo santo dia não tendo um único motivo pra continuar. Claro que existem psicólogos e psiquiátras que ofereceram uma grande ajuda e isso conta também. É complicado, mas temos que aceitar que é uma realidade.

    ResponderExcluir

Através de vidas, você pode ser edificado. E através de você vidas podem ser edificadas. Deixe seu comentário :)